SÁBADO | 24 DE MARÇO 2018 - 23H00

 



Lançamento 2016 – CD ‘Rota das Afinidades’
Cais de partidas e chegadas é como se traduz a ‘Rota das Afinidades’, espaço de memórias cruzadas e vividas por uma Caixa de Pandora que abre e liberta 16 novas composições, tais como
‘Rota das Afinidades’, tema que dá nome ao álbum, ‘Nómadas Ocultos’, ‘Cais do Desassossego’,
‘Orfandade’, entre muitos outros que vão desenrolando o “novelo” das emoções na alma de quem ouve.
Desde o lançamento do primeiro CD ‘Teias de Seda’, em finais de 2014, Caixa de Pandora pisou inúmeros palcos, quer em Portugal onde se destacaram concertos memoráveis para o grupo, tais como na Fundação Oriente, o convite do TEDx 2015, o Palácio da Bolsa, quer lá fora entre variadíssimas apresentações em Festivais e Centros Culturais.
As afinidades foram acontecendo e as rotas estenderam-se a participações e concertos pelo Oriente, nomeadamente pela Índia e China. Na Índia, através de experiências com nomes maiores dessa cultura: Gulraj Singh e Manoj Yadav, com quem compuseram e interpretaram temas em colaboração, quer para o mercado em hindi, quer para o re-pertório da Caixa de Pandora; no seguimento desta colaboração será em breve editado o tema ‘Mann Marzi Mauji’. Na China, o encontro com Joe Lei - produtor, letrista e compositor sediado em Hong kong, resultou em diversas parcerias com cantores e instrumentistas tradicionais, as quais se destacam - Kit Lam, Michele Ng ou Wong Kin Wai, e que vieram dar origem ao tema ‘House of the Swallows’, assim como a alguns concertos agendados no decorrer de 2016.
A ‘Rota das Afinidades’ vem afirmar a consolidação artística do trio e reflecte de forma incontestável a cumplicidade dos seus elementos.

“(…) Caixa de Pandora revela-se quando toca e toca quem ouve.”
Nuno Pacheco in Público

“(…) três músicos excelentes, duas miúdas e um miúdo - a Caixa de Pandora. Tocam muito bem, aquilo é muita fruta! Tenho aí um disco que tenho ouvido e vale a pena. Estão na base dos virtuosos.”
Jorge Palma in DN

QUEM FAZ A CAIXA DE PANDORA

Cindy Gonçalves – Violino - com formação clássica, cedo optou pela procura de uma linguagem própria, cruzando diversas disciplinas e colaborações artísticas, nomeadamente em teatro, pintura e bailado. Pertenceu ao projecto RosaNegra.

Sandra Martins – Violoncelo e Clarinete - violoncelista de formação clássica, desde cedo se ligou a projectos no folk tradicional e em companhias de bailado. Tem participado com diversos artistas, entre os quais Rodrigo Leão e Júlio Pereira. Integrou o projecto RosaNegra.

Rui Filipe – Piano - músico e compositor de formação hete-rogénea, ingressou no clássico e depois dividiu-se por várias paixões, entre as quais a música tradicional (vindo a trabalhar com Dulce Pontes em quatro álbuns e fundando colectivos artísticos, tais como Xaile e RosaNegra), bandas sonoras para bailados, teatro e audiovisuais.

www.caixadepandora.com.pt
Booking: caixadepandora.boz@gmailcom

Joomla! Hosting from